CHEFS ESTÃO REDESCOBRINDO AS PANCS – PLANTAS ALIMENTÍCIAS NÃO CONVENCIONAIS

PANC's - Llantas alimenticias não convencionaisb

Muitas vezes temos dificuldade em diversificar a alimentação e aproveitar a riqueza de nutrientes que a natureza nos apresenta. Seja por falta de conhecimento ou pelo difícil acesso a novos ingredientes, acabamos nos acomodando, limitados aos sabores de sempre.

Uma infinidade de alimentos ricos em nutrientes e sabor único, simplesmente crescem por aí. São as “PANC’s”: plantas alimentícias não convencionais.

Almeirão do campo, ariá, araruta, beldroega, bertalha, capeba, capiçoba, capim-colonião, capuchinha, caruru, centella, chicória do campo, língua de vaca, ervilha-borboleta, Jaracatiá, lírio-do-brejo, ora-pro-nobis, picão, rami, serralha, taioba, tanchagem e vinagreira. Esses nomes, para muitos desconhecidos, para outros só mato, já foram destaque nas mesas de nossos antepassados.

Reencontradas por alguns Chefs inovadores, essas maravilhas nutricionais estão voltando a nossas mesas.

Veja abaixo alguns exemplos:

[metaslider id=2319]

As “pancs”, em sua maioria, nascem e crescem como que espontâneas, sem nenhum cuidado especial. Sem pragas, dispensando agrotóxicos, torna-se uma opção extremamente bem vinda a uma mesa saudável.

Resultado de 10 anos de trabalho dos autores Valdely Kinupp e Harri Lorenzi – O Livro: “PLANTAS ALIMENTÍCIAS NÃO CONVENCIONAIS (PANC) NO BRASIL”, apresenta plantas nativas e exóticas (espontâneas e cultivadas no Brasil), consumidas no passado e ou em alguma região do mundo. São 351 plantas e 1.053 receitas com estes ingredientes.

Compartilhe
Publicado em Alternativas, Artigos, Dicas e Técnicas Marcado com: ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Assinantes Brasil na Mesa

Gostou do Nosso Blog? Deixe seu e-mail e receba as novidades em primeira mão.